7 MILITARES ABATIDOS EM NKONDEZI

7 MILITARES ABATIDOS EM NKONDEZIo último domingo dia 24/7/16, um grupo de mais de 60 militares das FADM e FIR considerados tropas especiais, concentraram se numa zona chamada Nkondedzi que fica entre a Chiandame e a Vila de Moatize no distrito de Tsangano. Este grupo tinha como objectivo de atacar uma pequena unidade das forças da renamo situadas naquele local e em Chiandame (postamos sobre Chiandame a bocado). Só que o maior grupo dirigiu se em direcção a Chiandame nas primeiras horas e as perdizes adivinharam as intenções dos atacantes e afastaram se do local. Quando la chegaram, posicionaram-se a uma boa distância do reduto e começaram a bomberdar com artilharias pesadas. Os bombardeamentos duraram quase 7 horas de tempo, pois iniciaram as 8 horas da manhã e terminaram no inicio da hora 15. Já convencidos de que as As forças Revolucionárias haviam sido trucidadas,  tentaram sem sucesso invadir o reduto das perdizes pois foram surpreendidos com uma chuva de balas. 

Em 40 minutos de combate à curta distância da base foram abatidos mais de 7 militares e vários ficaram feridos. Houve também houve uma grande debandada e abandono de cadaveres e de armas, que foram prontamente apreendidos pelos rangers da Renamo e duas das viaturas ficaram destruídas no local. De acordo com o oficial Ranger, os obuses atingiram algumas casas circunvizinhas de construção precária que lamentalmente foram reduzidas a cinzas em consequência da intensidade do fogo. De salientar que no mesmo local, nos meiados da semana passada e no mesmo local, houve incontáveis feridos graves e várias desercões. Naquele dia os atacantes morreram como ratos e segundo fontes das perdizes, os guardas de Afonso Dhlakama passavam a pisar os vários corpos espalhados para abrir caminho.

 

OS GENERAIS DA FRELIMO INTENSIFICAM OS ATAQUES CONTRA A SERRA DA GORONGOSA!

OS GENERAIS DA FRELIMO INTENSIFICAM OS ATAQUES CONTRA A SERRA DA GORONGOSA!

De todos de todos Moçambicanos tomarem conhecimento dos bombardeamentos cegos contra as matas de gorongosa levadas a cabos pelas tropas da Frelimo coadjuvados pelos mercenários chiineses desde 27 de Maio último que lamentavelmente vem culminando em baixas desastrosas por parte dos invasores. Entretanto, Filipe Nyus nomeou novos generais que no início lhe prometeram que até ao dia 31 de Junho de 2016 teriam a cabeça do filho mais amado do povo mas já no campo da batalha é contrariamente do que dizem, isto é,  são milhares de cabeças que sai enterradas em valas comuns sem nenhuma cerimónias fúnebres condignos. E como reposta das derrotas, optam por lançar ofensivas  de larga escala.  Pois alem da artilharia cegamente lancada para partes sem alvos, as perdizes estao movimentando incansalvelmente fazendo up and down nas montanhas em busca das posicoes dos bombardeadores.

 

Nestas ocasioes tem havido choques militares com alguns contingentes das infantarias da frelimo resultando em escaramussas separadas e culminam com as inumeras baixas mortais por parte das tropas da frelimo. De acordo com dados em nosso poder, os generais e comandante nomeiados por Filipe Nyusse recentemente, continuam nos arredores de gorongosa, Nomeadamente:

- O Major-general Lázaro Herinques Minete, actual comandante do exército,  o comando nacional da FIR, o Brigadeiro Muianga, o director da informática Militar e do reconhececimento, o Brigadeiro Maurício e o vice comandante de instituto superior de estudo de defesa " Tenente Armando Ematum Guepato" Francisco Zacarias Mataruca. Os dados relatam ainda que  não estão medindo esforços para capturar o Filho mais amado do povo até  ao dia 31 de julho. De referir que encontram se lá a dois meses mais até aqui as suas tentativas redondoram num fracasso! 

Informação Real em tempo Real.